3.4.13

11 de Setembro

- Pô, João, não faz assim com o seu irmão!
- Mas ele me deu um soco sem motivo!
- Tá vendo, Jorge, no que dá? Da próxima vez você pensa melhor antes de dar um soco no seu irmão.
- Mas ele chamou minha mãe de puta!
- João!!!
- Mas eu não...
- Calma!, gente, calma... não briguem, não leva a nada... E olha o preconceito!
- É verdade, Chico, você tem razão.
- É, Jorge, desculpa.
- Tudo bem, tudo bem... Desculpa também, João.
- É isso aí Chico, você é o cara! Nada de brigas! O que liga é a Paz.

Agora, tem uma coisa que o Jorge se esqueceu de dizer no calor dos eventos, mas que o narrador se lembrou, e ele não pode entrar na história pra contar: foi o Chico que disse pro Jorge que o João xingou a mãe do irmão, mas o João, quando sacaneia, nega.

Nenhum comentário:

Postar um comentário